menu  
 




 
 
 
CONFERENCIAS - interna SUPER    
 
Sustentabilidade
25/04/2018 - 15h15
LANXESS recebe certificação ambiental por planta sustentável
O governo chinês entregou o selo de “National Green Plant” para a planta de Ningbo por seu alto grau de padrões ambientais

A empresa de especialidades químicas LANXESS recebeu recentemente do Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação (MIIT) da República Popular da China o certificado “National Green Plant” para sua unidade de produção em Ningbo. A planta de Ningbo está localizada na zona de desenvolvimento econômico e tecnológico de Ningbo (NPETD), um parque químico de nível nacional que ocupa o terceiro lugar na China. O certificado “National Green Plant” é um elemento fundamental do “Sistema de Produção Sustentável” da China, que visa acelerar o desenvolvimento industrial, mantendo altos padrões ambientais. Este selo de qualidade é concedido a apenas mil empresas que demonstram um claro compromisso com a sustentabilidade em seus respectivos setores, implementando tecnologia de ponta e práticas ecologicamente corretas em suas instalações de produção. “Nossa planta em Ningbo estabelece uma referência para todo o setor e alcançou resultados excepcionais, especialmente com suas baixas emissões e seu consumo de energia reduzido por tonelada de produto”, diz Holger Hüppeler, líder da unidade de negócios de Pigmentos Inorgânicos da LANXESS. 

Em sua moderna unidade de produção certificada na China, a LANXESS instalou o recém-desenvolvido processo produtivo “Ningbo Process”, baseado em tecnologia patenteada e que garante a produção mais ecológica de óxidos de ferro sintéticos vermelho-amarelados na Ásia. Em comparação com os métodos de produção tradicionais, esse processo produz significativamente menos óxido de nitrogênio, incluindo óxido nitroso, um gás extremamente prejudicial. Além disso, as emissões remanescentes de gases de efeito estufa são totalmente purificadas por equipamentos de pós-tratamento altamente eficientes. “Assim, a LANXESS faz uma contribuição mensurável para o meio ambiente. O óxido nitroso não filtrado é gerado pelo processo de produção Penniman para pigmentos de óxido de ferro vermelhos na China, representando o equivalente a 7,6 milhões de toneladas de CO2 por ano. Se todas as instalações de produção utilizassem nosso Ningbo Process, a redução desse gás de efeito estufa equivaleria ao total de emissões anuais de 300.000 domicílios chineses de CO2”, explica Hüppeler.  

Em seu décimo terceiro plano (2016-2020), a China promove as energias renováveis e a melhor utilização dos recursos para reduzir a poluição ambiental. O objetivo do governo é impulsionar o “Sistema de Produção Sustentável” na direção do programa de modernização industrial “Made in China 2025” para alcançar as principais nações industriais nos próximos anos. 

Até o momento, apenas 200 empresas receberam o certificado em 2018. Além do reconhecimento fortalecido, os benefícios para as empresas certificadas com o “National Green Plant” incluem empréstimos facilitados e aprovação para novos projetos, bem como menos inspeções oficiais. “Até hoje, mundialmente, também somos o primeiro e único produtor de óxido de ferro a receber a certificação National Green Plant”, acrescenta Hüppeler ao mencionar: “isso nos coloca à frente de nossos concorrentes, já que outras empresas precisarão desenvolver um projeto mais adequado para suas instalações ou processos, com relação à sustentabilidade e melhorar as medidas de proteção ambiental se quiserem ter sucesso na China a longo prazo”. 

A LANXESS Pigmentos Inorgânicos admite ser o maior produtor de óxido de ferro do mundo e uma das principais produtoras de pigmentos inorgânicos à base de óxido de cromo. A empresa conta com plantas em Krefeld-Uerdingen (Alemanha), Porto Feliz (Brasil), Starpointe Burgettstown (EUA), Branston (Reino Unido), Vilassar de Mar (Espanha), Sydney (Austrália) e Xangai e Ningbo (China). A unidade de negócios de Pigmentos Inorgânicos faz parte do segmento Performance Chemicals da LANXESS, que atingiu um faturamento de € 1,44 bilhões em 2017.

Imprimir esta notícia.
Indique para um amigo.
 
LANXESS recebe certificação ambiental por planta sustentável
O governo chinês entregou o selo de “National Green Plant” para a planta de Ningbo por seu alto grau de padrões ambientais
A Lanxess lança no mercado sua nova geração de pigmentos de óxido de ferro vermelho
A Lanxess, empresa de especialidades químicas, está comercializando uma gama de pigmentos de óxido de ferro vermelho ainda mais extensa
Lanxess concede terceiro prêmio internacional de arquitetura
A Lanxess, empresa de especialidades químicas, apresentou em Berlim, no dia 17 de maio de 2017, a terceira edição do Colored Concrete
Lanxess aumenta capacidade de produção de pigmentos de óxido de ferro
A Lanxess está expandindo a capacidade de sua rede de produção global, a fim de garantir o abastecimento, a longo prazo, de seus
Lanxess anuncia resultados positivos no exercício financeiro de 2016 e começa com
Empresa teve crescimento de volumes em todos os segmentos, seu lucro líquido aumenta em 16,4%, para 192 milhões de euros e entra forte
Acionistas da Chemtura aprovam aquisição feita pela Lanxess
A Lanxess deu um passo significativo na aquisição da empresa norte-americana Chemtura. Os acionistas da Chemtura aprovaram a fusão em
Lanxess promove prêmio internacional de arquitetura
O Grupo Lanxess concederá, pela terceira vez, o prêmio internacional Colored Concrete Works Award de 2017 a arquitetos que tornam o
Museu Cais do Sertão Luiz Gonzaga, em Recife, utiliza Bayferrox® e transforma o
Parte integrante do Projeto Porto Novo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, o Complexo Cultural e Museu Cais do
Mudança na liderança do Conselho Administrativo da Lanxess
O Conselho Consultivo da Lanxess AG decidiu pelo encerramento, por mútuo acordo, do mandato de Axel C. Heitmann como membro e
Pigmentos Bayferrox® recebem Certificação de Conteúdo Reciclado do Instituto SCS
A Lanxess anuncia que seus Pigmentos de Óxido de Ferro Bayferrox® produzidos na Alemanha e no Brasil receberam a Certificação de
Lanxess irá construir nova fábrica de pigmentos na China
O investimento é de aproximadamente 55 milhões de euros e a construção terá início no segundo trimestre de 2013
Lanxess realiza 6º Fórum Colored Concrete Works™
Com o intuito de apresentar as novidades e discutir as vantagens da aplicação do pigmento no concreto, a Lanxess realizou em novembro,
Amarelos especiais da Lanxess passam a ser comercializados para o mercado mundial
A Lanxess passou a comercializar mundialmente o Bayferrox® 912 LOM, pigmento de óxido de ferro amarelo fabricado na planta brasileira
Lanxess apresenta linha de pigmentos inorgânicos granulados no Brasil
A linha Bayferrox® G amplia o portfólio de produtos no Brasil para proporcionar maior tecnologia e economia para o setor da construção
Pigmento Inorgânico de óxido de ferro Bayferrox completa 85 anos
Uma rica experiência obtida em tantos anos de existência fornece a base para a atual rede global de produção, vendas e operações de
Lanxess inaugura usina para geração de energia com recurso renovável
Primeira usina neutra em CO2 da empresa entra em operação no Brasil. Ela utiliza o bagaço de cana-de-açúcar e sua eficiência energética
Lanxess cria área de negócios especializada em inovação
A Lanxess criou uma área de negócios especializada no desenvolvimento de modelos de atuação e processos de produção inovadores
Lanxess comemora cinco anos de atuação e aposta nos países do BRIC para continuar
A empresa tem nas operações nos países conhecidos como BRIC, seus principais pilares de crescimento, e que representaram 16 % do
Lanxess reforça a estratégia no BRIC com duas aquisições na Ásia
A Lanxess AG está reforçando sua estratégia de crescimento a longo prazo nos países do BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China), com duas
Lanxess apresenta novas cores da linha de pigmentos inorgânicos Bayferrox®
Novas tonalidades para os segmentos de construção civil e de plásticos
Lanxess avança com medidas de eficiência na Petroflex
O grupo de especialidades químicas Lanxess AG avança no processo de reorganização e integração de sua subsidiária brasileira, a
Lanxess aumenta a previsão para 2008
A empresa agora espera atingir EBITDA pré-excepcionais entre 710 milhões e 730 milhões de euros
Lanxess investe 7 milhões de euros na construção de usina de co-geração de energia
A usina, prevista para ser inaugurada no início de 2010, usará bagaço de cana-de-açúcar e irá suprir todo o consumo de energia elétrica
 
   
 

 

Adicione aos favoritos    |    Anuncie   |   Central de Notícias   |   Sindicatos   |   Feiras   |   Fale Conosco   |   Indique este site
© 1997-2014 - INFOTINTAS - O melhor portal de tintas do Brasil. Todos os direitos reservados